Reforma mais suave

SOLUÇÃO PARA A PREVIDÊNCIA

Os aliados do governo defendem a aprovação da reforma da Previdência mais enxuta. Eles propõem incluir apenas a idade mínima para a aposentadoria. As outras mudanças ficariam para 2019.

TSE E O GOVERNO

… “não é joguete.” Essa foi a reação do ministro do TSE, Gilmar Mendes, às afirmações sobre a possibilidade do Tribunal pedir vista sobre o caso Temer. A manobra jurídica daria mais tempo ao presidente no julgamento que pode resultar na sua cassação.

DELAÇÃO

O deputado afastado, Rodrigo Rocha Loures, negocia delação premiada com a Lava Jato. Loures, que é aliado de Temer, foi flagrado recebendo R$ 500 mil da JBS.

NOVO COMANDO, MESMO DESAFIO

O novo presidente do BNDES, Paulo Rabello de Castro, chega ao comando com a missão de normalizar a liberação de empréstimos. O fluxo está abaixo do considerado desejável pelo setor produtivo. Rabello de Castro também precisa acalmar os funcionários do quadro. Eles estão preocupados com a crise deixada pela antecessora de Rabello, Maria Sílvia Bastos Marques.

TCU investiga empréstimos a estados falidos

SEM CONDIÇÕES DE PAGAR

O Tribunal de Contas da União (TCU) vai investigar os empréstimos feitos a estados que estariam impossibilitados de pagar suas dívidas. Entre 2012 e 2015, a União concedeu R$ 73 bi em créditos a governos estaduais com risco de calote.

MENOS É MAIS

A cláusula de barreira, que tramita no Senado, reduziria de 35 para 9 os partidos políticos existentes. Pela cláusula, os partidos precisariam atingir 2% dos votos válidos em todo o país para continuarem existindo.

 HÁ POSSIBILIDADE

O ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, acredita que a proposta da Reforma da Previdência, elaborada pelo governo, já está viável e pode ser encaminhada. Segundo o ministro, ela não resolvo o problema, mas vai fazer as receitas previdenciárias crescerem.

ELEIÇÕES

Metade dos prefeitos que tentaram a reeleição foram reconduzidos ao cargo.

Comissão do impeachment começa 2ª-feira no Senado

COMEÇA NA SEGUNDA
O presidente do Senado, Renan Calheiros, marcou o início dos trabalhos da comissão do impeachment para a próxima segunda-feira. A votação em plenário deve ocorrer no dia 12 de maio.

ORGANIZANDO OS TRABALHOS
No Senado, os líderes dos partidos decidiram que a escolha comissão do impeachment será com base no tamanho dos blocos partidários da Casa. A decisão foi considerada uma derrota para o governo.  Com essa determinação, o grupo pró impeachment deve ficar com a presidência (PSDB) e a relatoria (PMDB) do processo.

DINHEIRO POR APOIO
O governo deve conceder empréstimos para estados e municípios. Na lista estão Ceará, Piauí e Paraná. A liberação do dinheiro é considerada uma tentativa para obter apoio dos senadores indecisos.

FOLGA PARA CUNHA
Na Câmara, o vice-presidente da casa, Waldir Maranhão, considerou que o processo contra Eduardo Cunha tem falhas e limitou as investigações do Conselho de Ética. As acusações sobre recebimento de propina foram retiradas do processo. O presidente da Câmara é acusado de mentir sobre contas no exterior, durante depoimento em CPI, no ano passado. Cunha nega as acusações.

ENQUANTO ISSO, NO MERCADO FINANCEIRO
Armínio Fraga, em jantar com Michel Temer, relatou a situação ‘dramática’ da economia brasileira. Os problemas teriam sido camuflados pelos bons resultados internacionais das últimas semanas e a perspectiva do impeachment. De acordo com o ex-presidente do Banco Central, O Tesouro Nacional e os estados perdem receitas e a Petrobras vai precisar de injeção de capital. Apesar do relato e da preocupação, Fraga deixou claro que não tem interesse em participar de um possível novo governo.


POST SCRIPTUM
Em clima de desconfiança, as federações esportivas, em reunião em Lausanne, nessa terça, criticaram a escolha do Rio como sede de uma olimpíada. Elas se consideram vítimas da decisão política de trazer o evento para o Brasil.

Caminhoneiros serão multados por bloquear rodovias

A Polícia Rodoviária vai aplicar multa de R$ 1.900 por bloqueio em rodovias. A greve dos caminhoneiros bloqueou 48 trechos de estradas em 13 estados, no seu primeiro dia. O movimento é organizado pelo Comando Nacional do Transporte, sem apoio de outros sindicatos de caminhoneiros. Os caminhoneiros pedem a saída de Dilma do governo, um valor mínimo de frete e redução no preço do diesel. O governo considera a greve política. Produtores de aves e suínos temem que a paralisação afete as exportações .
(Estadão, Globo)

estadao

globo

A parcela de financiamentos e empréstimos bancários do sistema convencional de juros atingiu seu menor índice, desde 2008. Isso quer dizer que 49% dos empréstimos no país são regulados pelo Estado – como financiamentos da Minha Casa, Minha Vida. Esse tipo de movimentação é subsidiada pelo governo. Quanto maior o número de movimentações subsidiadas, maior os juros dos financiamentos com taxas de mercado.
(Folha)

folha

A companhia chinesa State Grid vai investir R$ 15 bi no Brasil, até 2020. Metade do valor vai possibilitar a construção de duas linhas de transmissão para escoar a energia da hidrelétrica de Belo Monte (PA) para a região Sudeste. A outra parte do dinheiro será investido em linhas que a State Grid pretente arrematar em leilões da Aneel.
(Valor)

valor