O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, denunciou o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, ao Supremo Tribunal Federal. Nas 85 páginas do documento, Janot acusou Cunha de cometer crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro em esquema da Petrobras. A denúncia detalha que Cunha recebeu US$ 5 mi em propina entre 2006 e 2012 para facilitar a contratação de navios-sonda pela Petrobras. Na denúncia, Janot pediu 184 anos de prisão, levando em conta a soma da pena mínima de cada um dos crimes, separadamente. Pediu ainda a restituição de US$ 80 mi aos cofres públicos. Cabe ao STF decidir se aceita ou não a denúncia. Cunha declarou que é inocente e acusou o governo de estar por trás da ação. A situação aumenta ainda mais o desgaste do parlamentar.
(Valor, Folha, Estadão, Globo)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s